Não se trata de exigência, é requisito primordial a instalação do forro mineral resistente ao fogo fabricados de acordo com a Norma NBR 9442.  As revisões e mudanças nas normas técnicas e de segurança na construção civil impulsionam cada vez mais as grandes corporações no desenvolvimento e pesquisa de materiais seguros para a construção civil.

O forro mineral é largamente usado em escritórios, empresas e residências, desempenham várias funções ao mesmo tempo:

  • Decorativo – devem atender aos arquitetos de interior e decoradores no quesito beleza e funcionalidade;
  • Tratamento Acústico – agem como atenuador de som e ruídos do ambiente contribuindo para a saúde e a produtividade dos colaboradores;
  • Segurança – a resistes ao fogo não propagando chamas ou gases tóxicos em caso de incêndio.

Uma das empresas líderes no seguimento de forros minerais é a Knauf AMF, os forros minerais fabricados pela AMF têm excelente resistência ao fogo e pertencem à “Classe A”, de acordo com a classificação estabelecida pela norma técnica brasileira NBR 9442.

A Norma NBR 9442

OBJETIVO

Esta Norma de Procedimento Técnico estabelece as condições a serem atendidas pelos materiais de acabamento e de revestimento empregados nas edificações, para que, na ocorrência de incêndio, restrinjam a propagação de fogo e o desenvolvimento de fumaça.

DEFINIÇÕES

Esta Norma de Procedimento Técnico se aplica a todas as edificações e áreas de risco onde são exigidos controles de materiais de acabamento e de revestimento conforme ocupações e usos.

A NBR 9442 classifica os materiais usados em acabamento na construção civil em classes de acordo com categorias de propagação de chamas. A “Classe A” é a melhor classificação para um produto combustível e reune os materiais com menor capacidade de propagação de chamas.

Além do alastramento das chamas, em casos de incêndio também existe a preocupação com o nível de gases tóxicos emitidos pelos materiais em combustão. A fim de restringir a propagação de fogo e a emissão de fumaça em caso de incêndio, o Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo regulamentou a Instrução Técnica Nº 10 (IT-10).

O documento estabelece as condições a serem atendidas pelos materiais de acabamento e de revestimento empregados em diversos tipos de edificações.

Os forros AMF são considerados como “Classe II-A” pela IT-10 do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo. Esta é melhor classe possível para um produto combustível, pois indica os produtos de menor propagação de chamas e menor nível de emissão de gases tóxicos em caso de incêndio.

Características Técnicas do Forro Mineral Thermatex Antaris

 

Forro Mineral Thermatex AMF Resistente ao fogo